Vareniki da Feira Leste Europeia (SP) é ótimo Foto Claudio Schapochnik Que Gostoso 6

Vareniki da Feira Leste Europeia (SP) é ótimo

por CLAUDIO SCHAPOCHNIK

No domingo passado, finalmente, fui conhecer e almoçar na Feira Cultural Leste Europeia. Localizada na Vila Prudente, na Zona Sudeste de São Paulo, como o nome denota, a feira tem barracas que vendem artesanato e comidas típicas feitas por oriundos e descendentes de países daquela região do Velho Mundo — Rússia, Bulgária, Lituânia, Romênia, Croácia, Hungria, República Tcheca (Tchéquia). É realizada uma vez por mês, sempre aos domingos. O vareniki de batata da barraca Comunidade Russa estava ótimo.

Nessa feira me senti mais ainda à vontade. Afinal: sou neto de imigrantes dessa região — lituanos por parte de mãe e bessarabianos, da antiga Bessarábia, a atual Moldova, por parte de pai.

Vareniki da Feira Leste Europeia (SP) é ótimo Foto Claudio Schapochnik Que Gostoso 5
No alto, a porção de vareniki de batata e, acima, a barraca da Comunidade Russa na Feira Cultural Leste Europeia em São Paulo (fotos Claudio Schapochnik/Que Gostoso!)

Na feira encontrei, marcado previamente, o meu amigo Gilson Suckeveris. Também paulistano e de origem lituana, ele foi o meu incentivador para que fosse visitar esse evento bacana na cidade. Realmente, adorei e pretendo voltar outras vezes.

“Claudio (ele me chama pelo meu nome, não pelo meu apelido, Schapo), você teve sorte: hoje não tem muita gente”, me disse o Gilson. Ele tem experiência na feira, pois a frequenta há muito tempo.

Acho que o tempo espantou o grande público, apesar do calor. De fato, o céu nublado trouxe chuva por duas vezes enquanto estava no evento. Chuva fraca.

Vareniki da Feira Leste Europeia (SP) é ótimo Foto Claudio Schapochnik Que Gostoso 8
Embalagens de berinjela e pepino em conserva

VARENIKI E PEPINO EM CONSERVA
Cheguei com fome à feira. Na barraca da Comunidade Russa, comi uma porção de varenikis de batata (R$ 20, cinco unidades) com creme de leite.

Depois de pagar, você recebe uma senha com número e, com este, fica sabendo que seu prato está pronto.

Nem dez minutos depois, meu prato estava ok. Acho que é só o tempo de cozinhar na água. Os varenikis estavam bem quentes e com uma tímida cobertura de creme de leite. Alguns dos “raviolões” recheados de batata não estavam íntegros, mas tudo bem.

Na boca… Uau, bons, muito bons. Massa leve, bem recheada e com o toque do creme por cima. Adorei. Que gostooooooso!

Vareniki da Feira Leste Europeia (SP) é ótimo Foto Claudio Schapochnik Que Gostoso 7
A porção de vareniki de batata com creme de leite: ótimo

Ao contrário da moda judaica, à qual estou mais familiarizado, que serve o mesmo vareniki coberto com cebola picada bem frita, essa versão com creme estava muito saborosa. Mas poderia ter em maior quantidade.

Numa outra passada nessa mesma barraca, comprei uma embalagem de agurtsi, o pepino em conserva, por R$ 10, e uma garrafa de água, por R$ 5. O pepino na salmoura estava crocante. Bom. Que gostooooooso!

Vareniki da Feira Leste Europeia (SP) é ótimo Foto Claudio Schapochnik Que Gostoso 2
A tabela de preços

MAIS PRODUTOS
Além do vareniki, a barraca vende arenque e sardinha na forma de rollmops — quando os peixes são perfurados num palito e colocados na salmoura. Quando cheguei, o rollmops de arenque já havia acabado. Numa próxima vez espero prová-los.

Havia ainda berinjela e repolho em conserva, folheado de maçã e vodka russa, entre outras opções.

Com todas essas opções, dá para fazer um bom almoço com entrada, prato principal e sobremesa.

Vareniki da Feira Leste Europeia (SP) é ótimo Foto Claudio Schapochnik Que Gostoso 3
Embalagem de rollmops de sardinha

A FIGURA DO SEU HENRIQUE
Na barraca Comunidade Russa, além de um jovem e uma jovem que faziam o atendimento, estava ainda o seu Henrique.

Ele é um senhor com mais de 80 anos, paulistano e, assim como eu e o Gilson, também de origem lituana. Uma figuraça! Tem bom humor e papo, é educado e alegre e possui uma simpatia gigante. Adorei ele.

Vareniki da Feira Leste Europeia (SP) é ótimo Foto Claudio Schapochnik Que Gostoso 1
O querido seu Henrique posa com a tchapka

Enquanto era atendido, o seu Henrique colocou uma tchapca — uma espécie de gorro que protege a cabeça e as orelhas do frio e da neve, bem típico do Leste Europeu, sobretudo Rússia, Belarus e Ucrânia.

Então, já sabe: a barraca Comunidade Russa que me referi é a que o seu Henrique fica.

Vareniki da Feira Leste Europeia (SP) é ótimo Foto Claudio Schapochnik Que Gostoso 4
O repolho em conserva

COMO CHEGAR
Eu não dirijo, e fui à feira com transporte público. O melhor é ir de metrô.

Pegue a Linha 2 Verde e desça na estação Vila Prudente. Faça a conexão gratuita com o monotrilho, desça na estação seguinte, Oratório, e ande cerca de um quilômetro. A feira é montada dentro do Parque Ecológico Professora Lydia Natalizio Diogo.

Quando for à feira, vá nessa barraca. Coma o vareniki e converse com o seu Henrique. Seu domingo será mais gostoso e alegre. Super recomendo.

SERVIÇO:
Feira Cultural Leste Europeia
Rua Aracati Mirim, Vila Prudente, São Paulo/SP
Próxima data: 11 de dezembro, domingo
Horário: 10h às 17h
www.amoviza.org.br
Instagram

Um comentário sobre “Vareniki da Feira Leste Europeia (SP) é ótimo

  1. O melhor de todo o texto é saber que teremos próximas vezes para experimentar o que faltou na barraca russa de nosso “conterrâneo “ lituano, Sr Henrique !!!
    Muito bom te-lo na feira, Claudio !

Deixe uma resposta