A saborosa cozinha do Rancho Zig Zag, em Campos do Jordão: o café

A saborosa cozinha do Rancho Zig Zag, em Campos do Jordão: o café

por Claudio Schapochnik_Campos do Jordão/SP*

Frequento e adoro Campos do Jordão, na maravilhosa Serra da Mantiqueira paulista e distante cerca de 170 quilômetros de São Paulo, desde quando era criança. O clima frio e, desde alguns anos para cá, a gastronomia, junto, é claro, com a bela natureza da Mantiqueira, sobretudo pelas araucárias, me chamam a atenção. A cada viagem, nestes anos todos, é uma descoberta bacana. A mais recente foi ter me hospedado no Rancho Zig Zag, no bairro do Lageado, na divisa com a vizinha Santo Antônio do Pinhal junto ao rio Sapucaí-Mirim. Pousada e restaurante, o Zig Zag me agradou pelo estilo rústico, pelos donos deixarem os hóspedes à vontade e pela gastronomia – com sabores acentuados, lindas apresentações e ótima relação custo/benefício.

Estive nesta propriedade com minha esposa no início do mês passado, numa estada de segunda-feira a quarta-feira. Nesse momento de flexibilização da quarentena por causa da pandemia da Covid-19, aproveitamos para dar uma “fugida” de São Paulo para curtir a Mantiqueira. Não nos arrependemos, de forma alguma. Tomando todos os cuidados necessários, nossa estada teve frio intenso, dias lindos de sol, boa conversa e ótimas refeições.

Vou contar minha experiência no Rancho aqui no Que Gostoso! em quatro reportagens seguidas, de hoje, terça-feira dia 1° de setembro, a sexta-feira dia 4 de setembro. A culinária local é o tema dos três primeiros textos – hoje sobre o café da manhã; amanhã abordo o almoço; e depois de amanhã, o jantar. Fecho a cobertura falando sobre como foi a hospedagem em si.

A chef do Rancho Zig Zag, Jucélia (foto divulgação)
Uma das mesas do restaurante do Rancho (fotos Claudio Schapochnik/Que Gostoso!)

O estabelecimento foi fundado há apenas quatro anos pelo casal Michel Toledo dos Santos e Jucélia Maria da Costa Manso, ambos de Campos do Jordão. Eles também já trabalharam com alimentação – ele é também pizzaiolo e ela deu os primeiros passos fazendo brigadeiro na infância. Depois, quando eram noivos, montaram uma lanchonete, que posteriormente foi vendida. Além da experiência acumulada, Jucélia, que é bastante talentosa e focada no progresso contínuo do aprendizado (leia-se não quer para de estudar e aprender), fez alguns cursos no Senac Campos do Jordão.

Casados, Michel e Jucélia realizaram o sonho comum de ter um restaurante, construído primeiro, e uma pousada, cujos chalés foram erguidos na sequência na propriedade que compraram no Lageado, a 19 quilômetros do centro de Campos do Jordão. Exceto a caçulinha do casal, Lívia, os outros dois filhos deles, Sarah e Pedro, e a sobrinha, Francieli, trabalham lá, sobretudo, na cozinha e no atendimento aos hóspedes e clientes. Vale dizer que todos eles são gente muito boa, pessoas educadas e simpáticas.

A mesa do café da manhã da pousada
A decoração do restaurante é toda feita com equipamentos antigos, sobretudo da cozinha, com plantas, flores e placas

CARDÁPIO
O café da manhã, que está incluso na diária, é servido diariamente das 9h às 11h no restaurante, a poucos passos dos quatro chalés. É montado em uma mesa central, e a oferta combina pães, bolos, laticínios, frutas e frios.

Gostei muito do que foi oferecido e, entre as frutas, me causou surpresa o abacate presente, cortado em fatias. Acho que foi a primeira vez que vi essa fruta numa mesa de desjejum. Para beber, havia leite, café e suco de laranja – espremida na hora, delícia! Numa das duas vezes na refeição, pedi chá, e me oferecem de capim santo, que conheço como chá de estrada. Estava ótimo.

O meu chá de capim santo
Um dos pães gostosos da padaria Viola
Enquanto os hóspedes tomam café, os lindos pássaros também tomam, com quirera e frutas colocados pelos donos do Rancho em frente ao restaurante: colírio para os olhos logo cedo

Os pães vêm de um dos fornecedores do Rancho – a ótima Viola Pães e Doces, que fica no centro de Santo Antônio do Pinhal. Achei bacana essa política do casal Michel e Jucélia: eles mantêm parcerias com outros (pequenos) produtores dos dois municípios para o fornecimento daquilo que eles não produzem, como é o caso dos pães.

Nos dois cafés da manhã tomados por lá, o Michel gentilmente oferece, e eu aceitei, ovos mexidos. Feitos na hora. Muito bom. Portanto, finalizo, afirmando que o café da manhã é gostoso e atende bem para começar um bom dia de turismo pela Mantiqueira.

Outro passarinho tomando seu café da manhã: visita das aves é corriqueira, pois sempre há comida pela manhã

O Que Gostoso! hospedou-se a convite do Rancho Zig Zag

SERVIÇO:
Rancho Zig Zag
Rua do Lageado, 51, Lageado, Campos do Jordão/SP
Whats App: (12) 99628-6963
Instagram; Facebook
www.ranchozigzag.com.br

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s