“O” lugar simples e barato pra comer em S.Pedro de Atacama

por Claudio Schapochnik

Quando passar esta pandemia do novo coronavírus (Covid-19) e as pessoas começarem a viajar novamente, uma dica que dou é ir ao Deserto do Atacama e arredores, tendo como base a cidade de San Pedro de Atacama, no Norte do Chile. A região tem muitos atrativos naturais de deixar qualquer um encantado. Para fazer as refeições neste município, sugiro – ainda mais se o fator orçamento pesar, pois o Chile é um país caro – a região de Los Carritos. Comida popular, ambiente sem frescura, pratos quase sempre fartos e saborosos e preço baixo.

Passei as férias em San Pedro de Atacama e região junto com minha esposa, em janeiro passado. Fomos assíduos frequentadores das casas em Los Carritos. Segundo apurei por lá, o nome veio do lugar onde paravam food trucks. Os carros “criaram raízes” e se tornaram fixos, dando origem a pequenos restaurantes.

As opções por lá, acredito, não devem passar de dez casas. Todas ficam defronte a um estacionamento e, como de praxe na cidade, com muita poeira. Portanto, se você busca um lugar bacana não vá.

A região de Los Carritos: chão com poeira, muitos carros parados e cachorros, que adoram receber os ossos e as carnes de sobra; os restaurantes estão à esquerda, um dos lado do outro (fotos Claudio Schapochnik/Que Gostoso!)
Interior de um dos restaurantes: ambiente bastante simples

Como faz para se chegar até Los Carritos. Vá até a praça onde fica a prefeitura e entre numa galeria de artesanato, onde há várias lojinhas. Ao atravessá-la, você vai sair na rua Licancabur – nome de um vulcão de quase 6 mil metros de altitude, bem visível desde San Pedro de Atacama e junto à fronteira com a Bolívia. Vire à direita, ande alguns passos e praticamente você chega a esta verdadeira praça de alimentação popular chilena.

Lá todos trabalham com um cardápio que, por um preço único, inclui uma entrada e um prato principal – lá chamado de “fondo”. O principal é geralmente uma proteína. E você pode escolher entre dois ou três “agregados”, ou seja, como os cozinheiros chamam os acompanhamentos – muito comum batata em algumas formas, arroz e salada mista.

Sopa de lentilhas com batatas: escolha de minha esposa e super deliciosa. Desculpe a foto fora de foco

CARDÁPIOS DE ATÉ 4 MIL PESOS
E o preço? É muito barato para o Chile e para uma cidade super turística como San Pedro de Atacama: varia de 3 mil a 4 mil pesos! Bebidas a parte, claro.

Em janeiro, quando estive por lá, o câmbio era algo em torno de US$ 1 = 750 pesos. Então, cada refeição saia por até US$ 5. Para comparar com o real, na mesma época, cada refeição saia o equivalente a R$ 20. Um pouco mais caro que um comercial (bife, arroz, feijão, salada, farofa e, muitas vezes, fritas) em São Paulo.

Ah! Se você quiser só uma entrada ou só um “fondo” também é possível, e a conta fica mais barata ainda.

Só para você ter um parâmetro na mesma San Pedro de Atacama. Na rua Caracoles, a principal da cidade, há restaurantes para todos os bolsos e os mais em conta custam, com o cardápio semelhante aos da área de Los Carritos, a partir de 5 mil pesos – US$ 6,60.

Um dos almoços de minha esposa: salada, frango assado e batatas: comida simples
Salão de outro restaurante em Los Carritos
A sopa cazuela acima e no início do texto: minha preferida, super boa e de sustança

OPÇÕES DE MENUS
Nos restaurantes de Los Carritos você vê a população local e muitos, muitos turistas, como eu e minha esposa. Como escrevi acima, são lugares bem simples, sem luxo. Eu, particularmente, gosto destes lugares autênticos e sem frescura, onde você come o que as pessoas daquele país comem.

Geralmente eu e minha esposa frequentávamos Los Carritos na hora do almoço. Somada a entrada e o principal, olha… Era geralmente um almoção!

Ao fazer meus pedidos, perguntava ainda se havia cilantro, o nome em espanhol do coentro. Sou anticoentrista total! Se havia pedia para vir sem. Quase sempre dava certo. Uma vez ou outra tive que ficar tirando esta erva do prato.

Minha entrada preferida, praticamente sempre a pedia, era a cazuela, bem típica do Chile. Trata-se de uma sopa muito gostosa: caldo temperado com legumes como milho, abóbora e batata e um ou dois pedaços de costela bovina. Sensacional!

Prato de meu primeiro almoço por lá: salada, purê de batata e bife com cebola, pimentão e pimenta; mas não era ardida que nada…

Como principal comia frango ou boi com batata ou arroz e salada. As vezes o prato era bem servido, outras vezes nem tanto. Veja nas fotos abaixo.

Desculpe, caro(a) leitor(a), não ter anotado o nome do restaurante para te dizer quanto custou e fazer uma descrição mais apurada. Mas pode crer: vale a pena comer em Los Carritos. Seu estômago e seu bolso vão agradecer. Super recomendo!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s