Comida é atração no Canaletto, em Dresden (Alemanha)

por Claudio Schapochnik_Dresden/ALEMANHA

Uma das cidades mais lindas da Alemanha e capital do Estado da Saxônia, Dresden celebra o aniversário desde 1998 com uma super festa ao ar livre e acesso gratuito. É o Canaletto – Das Dresdner Stadtfest. A programação reúne shows, fogos de artifício e feira gastronômica com dezenas de barracas com comidas e bebidas deliciosas, entre outras atrações. Este ano o Canaletto será de 16 a 18 de agosto, quando Dresden fará 813 anos de fundação.

Público no Canaletto em 2017 na praça em frente à Semper Ópera (à dir.), com a estátua do rei Johann da Saxônia (fotos Claudio Schapochnik/Que Gostoso!)

Fui ao Canaletto em 2017, com o meu amigo Jan e a esposa dele, Grit, ambos alemães e moradores em Dresden. Estava na Alemanha após duas semanas de viagem na Belarus e para celebrar 30 anos de amizade com o Jan. Jamais tinha ido, até então, ao Canaletto, nem tinha ouvido falar sobre. Caí, literalmente, de para-quedas no festival – e adorei.

Agora por que um evento alemão tem um nome nada germânico? No século 18, sobretudo, a cidade e a Saxônia estavam totalmente imersas na arte barroca. Graças ao (bom) gosto do eleitor Frederico Augusto 1° da Saxônia (1670-1733), mais conhecido como Augusto, o Forte. Até 1806, a Saxônia fazia parte do Sacro Império Romano Germânico, com Dresden como capital.

Dentro deste contexto e no mesmo século 18, mas já no reinado do filho de Augusto, o Forte, chamado Frederico Augusto 2° (1696-1763), com o apelido de “O Saxão”, sua corte convidou o pintor veneziano Bernardo Belotto (1722-1780), para retratar Dresden. A alcunha deste artista era “Canaletto”.

Canaletto especializou-se em pintar vistas de cidades. Antes de viajar para a Saxônia, havia pintado vários quadros em Veneza, Roma, Verona e Florença. Na capital saxônica, ele pintou, entre outros, um belo quadro chamado “Dresden From the Right Bank of the Elbe Above the Augustus Bridge”. A tela está no museu Gemäldegalerie Alte Meister, no Centro Histórico da cidade.

Agora está explicado porque uma festa alemã tem um nome veramente italiano.

O quadro de Canaletto “Dresden From the Right Bank of the Elbe Above the Augustus Bridge”, que está no Gemäldegalerie Alte Meister
Barraca com hambúrgueres de carne bovina (à esq.) e curry wurst
Hummm… Cogumelos salteados
Cadeiras e mesas estão à disposição do público

Augusto, o Forte, mandou construir vários prédios barrocos em Dresden e, para isto, trouxe muitos artistas para sua corte. O mais bonito, aliás maravilhoso, é o Zwinger – lugar utilizado para receber as festividades da corte do nobre e utilizado pelos seus sucessores.

Bem, o Caneletto é montado em toda esta área barroca do Centro Histórico dresdense, também à beira do famoso rio Elba.

Barraca de kartoffelpuffer (panqueca de batata): pronta e sendo frita…
…e pronta para ser comida: com molho de alho, temperos e salsinha: maravilhosa

STREETFOOD ALEMÃ
O Canaletto – Das Dresdner Stadtfest é uma ótima pedida para você provar a rica e deliciosa comida de rua alemã em apenas um lugar, onde a carne de porco e a batata têm o protagonismo. Para beber, off course, a cerveja reina absoluta em diferentes estilos e sabores, mas há outras opções também.

Dos três dias de Caneletto, fui dois dias na edição de 2017 com o Jan e a Grit, também meus tradutores e intérpretes. Falo poucas palavras e frases em alemão.

Em relação ao custo, os preços são bem acessíveis. Com € 20 dá para comer e beber bem, sem exageros.

A festa oferece inúmeras apresentações musicais, tudo de graça
Sanduíche de hering com cebola: delicioso

Em relação à cerveja, a dica mais legal, sugiro, é você beber nos lugares que têm palco. Lá, com certeza, há apresentação de bandas do ritmo “blasmusik” – bem folclórica e que toca nas festas da cerveja (Oktoberfest) pelo mundo afora. É muito divertido ver a animação dos dresdenses cantando e bebendo, mesmo não compreendendo nada da letra. O ritmo, por outro lado, é contagiante.

Sobre as comidas, nossa… Há uma variedade incrível: cogumelos salteados, carne bovina assada, curry wurst, salsichas e linguiças de várias qualidades, hambúrgueres, kartoffelpuffer (panqueca de batata, servida com molho de maçã ou de alho), sanduíche de hering etc.

Porco assado inteiro na barraca dos cozinheiros tchecos: a fronteira da Alemanha com a República Tcheca fica a poucos quilômetros de Dresden
Outra iguaria alemã: queijo derretido com pepino e alho sobre uma fatia de pão
As avenidas e ruas no Centro Histórico ficam fechadas; acima, o rio Elba, que cruza Dresden

Desta forma, em uma mesma atividade, você conhece o Centro Histórico da maravilhosa Dresden e ainda prova vários quitutes muito saborosos. Ah… Tudo é muito seguro, há policiais por todos os lados. Pudera, o evento, nos três dias, costuma reunir cerca de 500 mil pessoas.

Eu (à dir.) com o meu amigo Jan tomando uma breja alemã no Canaletto
O Canaletto recebe, em média, 500 mil pessoas nos três dias de festa

Bem, então marque na sua agenda a data do próximo Canaletto: 16 a 18 de agosto de 2019. Vale demais. Super recomendo.

Deixe uma resposta